RADIO IPB

domingo, 23 de setembro de 2012

QUATRO DECISÕES QUE PRECISAMOS TOMAR



Filipenses 3:13-14


 INTRODUÇÃO
Na Vida tomamos decisões todos os dias. O que muita gente nunca parou para pensar é que toda decisão exige de nós algumas escolhas extremamente importantes. Aliás, as decisões da vida nos desafiam a repensar os nossos princípios, valores e ideais; a definir situações que atrapalham o nosso modo de viver; a julgar aquelas questões que interferem na realização dos nossos sonhos; a analisar aqueles pormenores que interferem diretamente nos nossos fracassos do dia-a-dia e que impedem a concretização nossos projetos.
           
O apóstolo Paulo, neste texto de Filipenses 3 está tomando quatro decisões importantes que deveriam chamar a sua e a minha atenção. E por que deveríamos analisar estas quatro decisões do apóstolo? Em primeiro lugar, eu creio que devemos fazer esta análise porque toda decisão mexe com as nossas preferências; em segundo lugar, porque toda decisão exige a solução de alguma dificuldade e em terceiro, porque algumas decisões que tomamos podem determinar o destino da nossa vida, da nossa família, dos nossos projetos, dos nossos amigos ou de uma nação inteira.

I – PRECISO ABRIR MÃO DE ALGUMAS COISAS (Versos 5-8)

1. O apóstolo Paulo abriu mão do seu status: ele era de linhagem nobre, israelita de nascimento, da tribo de Benjamim, de sangue hebreu (verso 5). E mais: a História da Igreja confirma que ele era doutor da lei, membro do Sinédro (a suprema corte judaica), grande orador, exímio poliglota e um pensador profundo formado pelas universidades de Tarso, Atenas e Jerusalém.

2. O apóstolo Paulo abriu mão da sua religiosidade doentia: ele era fiel seguidor do judaísmo, um fariseu fanático que perseguia a igreja de Cristo (verso 6). Agora que Cristo o transformara ele tinha consciência clara de que era o principal dos pecadores, pois fora brasfemo, perseguidor e opressor da igreja de Cristo (veja I Timóteo 1:13).

3. O apóstolo Paulo abriu mão de muitas vantagens, lucros e direito para cumprir os propósitos do reino de Deus neste mundo (Veja os versos 7 e 8).

4. Você já abriu mão de alguma coisa que comprometesse a imagem do reino de Deus ou da igreja de Cristo? Você já fez alguma renúncia por amor a Deus?

5. Você sabe o que significa abrir mão de comodidades, de vantagens, de uma carreira promissora, de direitos e lucros, só para agradar a Deus?

6. O apóstolo Paulo teve que abrir mão de algumas coisas para ser um vaso escolhido que levaria o nome de Jesus diante dos gentios (estrangeiros), dos reis e dos filhos de Israel (Atos 9:15).

7. O apóstolo Paulo teve que abrir mão de algumas coisas porque Jesus o comissionou para ser pregador da Palavra de Deus, apóstolo e doutor dos gentios na fé e na verdade (I Timóteo 2:7).

8. Você se sente comissionado por Jesus para fazer algo importante no reino de Deus?

 II – PRECISO ESQUECER AS COISAS PASSADAS (Verso 13)

1. O apóstolo Paulo fez uma declaração inquietante e contundente: “... mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam...”

2. O apóstolo Paulo tinha pressa de cumprir os grandes projetos do reino de Deus porque sabia que os dias em que vivia eram maus (Veja Efésios 5:16).

3. O apóstolo Paulo não tinha tempo para reclamar dos seus sofrimentos, das suas frustrações, dos seus traumas, das suas tristeza ou das injustiças sofridas.

4. Paulo, o apóstolo, era um homem de mente renovada, ele não deixava nenhum lixo emocional se juntar na sua mente. Ele simplesmente esquecia porque o Espírito Santo de Deus o capacitava para isto. Sua personalidade era cheia de vida.

5. Existe o perigo de nos envolvermos com coisas que ficaram para trás. Muitas vezes fazemos como a esposa de Ló, que olhou para trás e virou uma estátua de sal (Gênesis 19:26). Às vezes, olhamos para trás e a nossa vida espiritual fica paralisada com as nossas lembranças. As amarguras petrificam o nosso coração e não conseguimos exercitar o perdão; a desesperança toma conta dos nossos pensamentos e paralisam os nossos sonhos e ideais.

6. Muitas vezes pegaremos no arado do reino de Deus e olharemos para trás por causa do sentimento de incompetência que há em nós, contudo, o apóstolo Paulo nos ensina uma verdade contundente: “... mas a nossa capacidade vem de Deus...” II Coríntios 3:5).

7. Deus quer que destruamos os velhos arquivos da nossa vida que nos impedem de crer nos seus milagres. Existem gavetas em nossas mentes que precisam ser limpas para que possamos ver novas possibilidade de Deus atuar em nós ou através de nós.

8. Existem entulhos em nossas mentes que atrapalham a nossa maneira de compreender quem é Deus e como ele pode nos usar hoje, aqui e agora.

9. Gosto muito do conselho que Deus deu ao seu povo pela instrumentalidade do profeta Isaías:
“Não vos lembrei das coisas passadas, nem considereis as antigas. Eis que farei coisa nova, e, agora, sairá a luz; porventura, não a sabereis? Eis que porei um caminho no deserto e rios, no ermo.” (Isaías 43:18-19).

10. Esqueça as coisas passadas que não edificam a sua vida espiritual. Esqueça aquelas coisas que estão adoecendo a sua vida emocional. Faça como o apóstolo Paulo, ponha uma pedra sobre questões passadas, esqueça tudo aquilo que pode matar a sua motivação de servir a Jesus.


 III – PRECISO AVANÇAR NA DIREÇÃO DOS DESAFIOS (Verso 13)

1. O apóstolo Paulo disse: “Avanço para o que está diante de mim...”

2. Paulo avançou destemidamente na direção dos desafios porque o Espírito o dotou de uma visão profética. Ele sabia que não podia fugir dos desafios do mundo e da vida. O foco da sua vida era abraçar e realizar todos os projetos do reino de Deus enquanto tivesse vida, saúde, inteligência, dons e talentos, disposição e paixão.

3. O povo de Israel ao sair do Egito ficou com saudades das panelas de carne, dos alhos e das cebolas, mas Josué e Calebe olharam para a frente e focavam a terra prometida.

4. Nas nossas igrejas, hoje, só existem dois grupos de crentes: os que OLHAM PARA TRÁS e querem viver de saudades e reclamarem do presente e os que OLHAM PARA A FRENTE e querem ver Deus fazer milagres maiores do que já foram feitos. E mais: esses crentes querem ser usados por Deus para fazerem uma revolução na igreja; eles querem ser agentes da nova historia que Deus quer escrever nesta igreja, nesta cidade, neste Estado, neste país! Amém.

5. Quem avança quer fazer a diferença e quem está fazendo diferença no mundo tem três características marcantes: é inconformado, é inovador e é ousado.

6. O apóstolo Paulo ousou avançar dizendo: “... e não vos conformeis com este mundo...” (Romanos 12:2).

7. O apóstolo Paulo era tão ousado que na sua epístola aos Efésios fez a seguinte ponderação: “E orem também por mim, a fim de que Deus me dê a mensagem certa para que, quando eu falar, fale com coragem e torne conhecido o segredo evangelho” (Efésios 6:19, NTLH).

8. O apóstolo era tão inovador que quando estava em Atenas foi convidado para ir ao areópago falar das últimas novidades pôde debater com os estóicos e os epicureus usando da contextualização cultural para chegar ao coração dos gregos. O seu artifício para entrar na cultura grega foi a expressão AO DEUS DESCONHECIDO (Atos 17:23).

9. Você está fazendo diferença? Você está avançando ou retrocedendo? Você está olhando para frente e querendo ser usado por Deus ou está olhando para trás, vivendo de passado?

10. A Bíblia diz em Hebreus 10:39 que nós, os crentes verdadeiros que olhamos para frente e para cima, não fazemos parte do grupo que retrocede na fé e em outras coisas.

 IV – PRECISO PROSSEGUIR NA DIREÇÃO DE DEUS (Versos 12 e 14)

1. A Bíblia ensina em Hebreus 12:1 que a vida cristã é uma corrida que precisa ser feita com perseverança e fé. Nessa corrida você e eu não veremos nenhuma placa com a inscrição PARADA PARA DESCANSO. E sabe por quê? Porque o crente que não prossegue, não cresce e nem amadurece.

2. Quando o apóstolo Paulo disse: “... prossigo para o alvo...”, na realidade ele estava falando que continuava perseguindo o seu alvo; que estava focado em Jesus e no prêmio que ele iria lhe dar.

3. Prosseguir exige renúncia de alguma coisa. Você está disposto a renunciar alguma coisa deste mundo para receber um prêmio de Deus?

4. Prosseguir exige determinação. Você tem o hábito de começar as coisas e terminar ou para no meio do caminho?

5. Quem prossegue na vida cristã precisa de metas para viver. Quais são as suas metas de vida?

6. A igreja do Senhor Jesus precisa ser mais ousada nos seus projetos e nas suas estratégias! O mundo já aprendeu uma lição antiga que alguns de nós procuram ignorar, qual seja: “Só pode ser bem sucedido quem persegue e cumpre as metas que foram estabelecidas.”

7. Esta lição é muito bem ensinada na Universidade do Inferno. As hostes espirituais da maldade seguem ao pé da letra a estratégia de Satanás, que é a seguinte: “Só destruiremos a igreja de Cristo se cumprirmos as metas de Satanás com inteligência, objetividade, fidelidade e dedicação incondicional”.

8. As igrejas evangélicas que estão fazendo a diferença neste mundo global não abrem mão de uma regra: prosseguir na direção de Deus e dos seus projetos. Elas são disciplinadas, focadas, determinadas, perseguem metas e cumprem todas as metas estabelecidas pelo reino de Deus. Você sabe cumprir metas?

9. O autor da epístola aos Hebreus ensinava a Igreja Primitiva essa mesma lição. Ele dizia que a igreja tinha que prosseguir “olhando para Cristo, autor e consumador da fé...” (Hebreus 12:2).

10. Sem olhar para Cristo, você não vai prosseguir na sua jornada para o céu. Sem olhar para Cristo você não vai perseverar na fé. Sem olhar para Cristo você não vai viver uma vida de santidade e temor. Sem olhar para Cristo o seu cristianismo será inconstante, pobre e medíocre. Olhe para Cristo e você cumprirá as metas dos seu reino.


CONCLUSÃO
            O foco da vida do apóstolo Paulo era ser fiel ao Senhor Jesus e cumprir as metas do reino de Deus. Ele tomou as quatro decisões porque queria agradar o coração de Deus. Qual é o foco da sua vida? Em que os seus olhos estão focados?
            O apóstolo Paulo decidiu quatro coisas: 1) Preciso abrir mão de algumas coisas; 2) Preciso esquecer as coisas passadas; 3) Preciso avançar na direção dos desafios; 4) Preciso prosseguir na direção de Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário